© 2023 por NÔMADE NA ESTRADA. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round

Reprodução com sucesso - Tucunarés e Jacundas

Quarta-feira de cinzas, saí para pescar com um amigo. Fui na pretensão de me divertir com as moscas de fly e para alimentar o vício. Meu parceiro estava sem o seu costumeiro float-tube e eu, com dois caiaques: resolvi emprestar um deles.
O local escolhido era novo para mim; já passei por lá diversas vezes porém nunca pesquei por aqueles lados.

Chegamos por volta das dez e meia.

Descemos os caiaques, ajeitamos as coisas e saímos para pescar já próximo do meio-dia.

Escolhi a margem oposta de onde saímos para dar os primeiros pinchos utilizando equipamento de fly e moscas tipo streamer pequenos. Arremessando na raseira e abaixo de algumas árvores, logo nas primeiras puxadas percebi a boa quantidade de pequenos peixes no rebojo, atrás da isca, mas sem fisgar. Interessante como os danados tentavam abocanhar a mosca sem conseguir, porque mesmo a isca sendo pequena, era um pouco grande para eles - troquei-a por uma menor.

Mais arremessos e, desta vez, o peixe fisgou. Um pequeno tucunaré, coisa de 10cm, de boa saúde e briguento. Fiquei feliz demais pois isso é o resultado da última procriação ocorrida neste verão. Para o pescador esportivo, o bom resultado da reprodução indica bom ano de pescaria.

No mês anterior, fisguei vários tucunarés em fase de reprodução, de tamanho razoável, o que me fez tomar o cuidado de não demorar na devolução do peixe fisgado ao seu habitat no sentido de causar o menor impacto possível.
No decorrer da pescaria fisguei vários tucunarezinhos de mesmo tamanho, ainda pequenos, saudáveis, lindos e ligeiros.
Tive ainda a ação de jacundás, também pequenos e faceiros, não menos interessantes na pescaria quando comparados com os tucunarés; há quem diga que o jacundá é o black-bass tupiniquim.... acredito!
Meu amigo de pescaria teve diversas ações de tilápias num lugar de barranco, inclusive de bom tamanho, mas enjoadas, não fisgaram.

Esse ano promete... isso se os trogloditas não passarem redes ou os matadores não aparecerem por lá!
Portanto, amigo, se você observar ação predatória no lugar onde estiver pescando, denuncie.
Vamos praticar sempre o pesque e solte.
Veja o vídeo abaixo

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

POSTS RECENTES:

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

PROCURE POR TAGS:
Please reload

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now